simbolismo_na_literatura_ocidental

Este curso propõe duas visões da literatura: a mais óbvia, apresentando-a como arte (ou, nas palavras de Susanne Langer, como “forma do sentimento humano”), e outra, mais filosófica, como meio de compreensão da própria existência, quer dizer: seus grandes clássicos admitidos como lentes poderosas no reconhecimento da vida em seu significado.

Numa abordagem diversificada, apoiada em autores com diferentes perspectivas da história e fenômeno literários – como Auerbach, Frye, Machado de Assis, Pedro Laín Entralgo, Ortega y Gasset, George Steiner, Olavo de Carvalho etc -, as aulas atravessam as dimensões da narrativa, oferecendo alguns caminhos para que o aluno – e, especialmente, o aluno enquanto leitor interessado – realmente absorva o que os grandes romances, contos, teatros e poesias carregam em verso e prosa, a salvo do esquecimento.
Talvez este seja o grande objetivo destas aulas: tornar patente aos ouvintes aquilo que jamais deve ser esquecido, negligenciado, preterido em nossas vidas. Pelo conjunto de temas tratados, acredito que o curso acabe sendo uma espécie de formação pessoal mais geral, de imersão na alta cultura e, mais radical do que isso, no que cada um sente, pensa e reconhece disso em si mesmo.
As aulas estão agrupadas conforme os meses que foram gravadas. Existem leituras e tarefas correspondentes a cada uma, indicadas nos arquivos (em pdf) que estão referidos na área pessoal de cada aluno.
Simbolismo na literatura ocidental – Mês 1 (4 aulas)
R$ 250,00